Alívio para a ansiedade – parte 34

A centelha de Mashiach

É ensinado pelo Chassidismo que todo judeu tem dentro de si uma centelha ou elemento de Mashiach. Esta é a habilidade que tem para agir com uma força redentora para si próprio, aqueles que conhece, e em resumo, tudo no mundo com o qual ele entra em contato.

Assim como a revelação do Mashiach em geral depende da humanidade ficar ansiosa pela sua demora, a efetivação da centelha de Mashiach em cada indivíduo exige primeiro que ele fique ansioso pelo fato de que esta centelha ainda não aflorou e se manifestou.

O complexo mais profundo na psique de um indivíduo é a frustração que sente por não ser capaz de efetivar completamente seus potenciais, corresponder àquilo que ele sente ser capaz de tornar-se. No fundo, ele sabe que sua alma Divina é uma parte de D’us, por assim dizer, e por ela ele é capaz de revelar a presença de D’us no mundo. O fato de que esteja impedido de fazê-lo o incomoda profundamente. Esta frustração é equivalente à frustração por não ser capaz de efetivar sua própria centelha interior de Mashiach.

Conclui-se que a centelha de Mashiach dentro do indivíduo é que provoca sua ansiedade existencial. Quanto mais a pessoa começa a pensar em termos de objetivo de vida, o propósito de sua própria vida, e a urgência de retificar a realidade, mais intensa torna-se sua ansiedade. Como já percebemos, esta ansiedade sensibiliza a pessoa para a profundidade e paixão da dimensão interior da Torá, e a capacita a entender mais e mais dela. Embora o estudo da dimensão interior da Torá sirva para elevar a consciência da pessoa sobre o propósito da vida e a urgência da redenção, e assim intensificar seu anseio por Mashiach, também favorece sua crença e otimismo quanto à iminência da redenção. Isso serve para suavizar a aspereza de sua ansiedade sobre Mashiach, sem diminuir sua intensidade. Assim como a intensidade do anseio da pessoa por Mashiach em geral apressa sua chegada, a ansiedade pela revelação da centelha de Mashiach catalisa sua revelação.

A revelação da centelha de Mashiach dentro de um indivíduo não é algo só para uma vez. Como a alma Divina incorpora infinitas camadas de potencial, assim que a pessoa atualiza e exaure um nível, torna-se cônscia de um novo, mais profundo e mais poderoso nível a seu alcance.

Dessa maneira, uma pessoa espiritualmente orientada e progressista vive numa contínua dinâmica de tensão e realização, que sobe continuamente como espiral para níveis mais altos de realização de sua centelha de Mashiach, sua capacidade de redimir o mundo. Quanto maior sua ansiedade, mais ele é inspirado a revelar sua centelha interior de Mashiach, aprofundar seu relacionamento com D’us, e mergulhar nos segredos da Torá. Quanto mais ele efetiva seu potencial de redimir o mundo, aprofundar seu relacionamento com D’us, e aprender sobre a dimensão interior da Torá, mais ele sente a urgência para a redenção e a ansiedade intensificada por causa de sua demora.

Toda resposta às anomalias da vida oferecidas pela Torá provoca outra questão, mais profunda, como conseqüência, pois a Torá é infinita e portanto a compreensão que dá sobre a vida àqueles que a estudam é também infinito. Cada nível de entendimento é desafiado e substituído por um nível seguinte, mais profundo.

A contínua dinâmica de tensão e resolução é necessária para um crescimento espiritual continuado do indivíduo. Pois com toda resposta, cada novo e abrangente entendimento da realidade que se adquire, vem um senso de satisfação por tê-lo atingido. Esta satisfação naturalmente gera complacência: o problema é solucionado, nós temos a resposta. Nada engrandece mais o ego que o sentimento de possuir todas as respostas. Portanto, é necessário impedir este engrandecimento do ego sentindo uma questão nova e mais profunda imediatamente após encontrar a resposta para a questão anterior.

Naturalmente, o infinito deste processo não significa que jamais chega a uma conclusão. Ensina-se na Chassidut que quando uma certa massa crítica das centelhas coletivas individuais de Mashiach é revelada, causará ao Mashiach geral ser revelado e a redenção suprema e final ocorrerá.

Como agora entendemos a centelha de Mashiach dentro de cada pessoa como um processo de contínuo crescimento espiritual, é lógico presumir que exibirá a mesma estrutura tripla que tipifica qualquer processo de crescimento espiritual.

A ansiedade pela demora da vinda de Mashiach, o sentimento de impotência face à enormidade da não compleição do mundo, é a fase de submissão da centelha de Mashiach.

Nossos Sábios ensinam que Mashiach virá quando não se estiver pensando nele. Embora esta declaração pareça sugerir que a melhor forma de apressar a vinda de Mashiach é ignorando o assunto, essa obviamente não pode ser a intenção deste ensinamento, pois nossos Sábios declararam a constante expectativa da era messiânica como sendo um dogma fundamental do judaísmo. Nas palavras dos profetas (Chabacuc 2:3): "Se ele tardar, espere por ele, pois certamente virá, sem demora."

Ao contrário, o significado é que devemos acreditar na chegada iminente de Mashiach, apesar do fato de que o mundo parece despreparado e não merecedor disso. Há muitos sinais de que nossa era está madura para a Redenção, mas de muitas maneiras parece longe de estar pronto. Nossos Sábios estão nos dizendo que devemos acreditar com perfeita fé que Mashiach pode chegar a qualquer minuto, não importa o quanto isso pareça improvável. Embora a situação do mundo seja tal que ninguém pensa que ele pudesse vir agora, devemos crer que apesar disso sua chegada é iminente.

Esta é a fase de separação do processo de revelação de Mashiach, na qual estamos para nos libertar de quaisquer noções pré-concebidas a respeito do que deve estar em ordem para que Mashiach venha.

A fase na qual uma centelha individual de Mashiach está brilhando e ele está ativamente engajado na redenção de sua parte do mundo é o processo de suavização.

Anúncios
Esse post foi publicado em CABALATERAPIA. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s